semiarido_brasil_banner

O FÓRUM DE DESENVOLVIMENTO DO SEMIÁRIDO 2020 (FDS 2020) é um evento que tem a iniciativa da Frente Parlamentar Mista em Prol do Semiárido, realizado pelo Instituto Sagres em conjunto com a Codevasf e o Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR). Já conta com patrocínio de diversas empresas e instituições financeiras, tendo o apoio das embaixadas de Israel, da Espanha e dos Estados Unidos.

O Fórum pretende mudar a face do Semiárido Brasileiro, o que deve ocorrer por meio de diversas rodadas de discussão, análise e aprimoramento das propostas de soluções, incorporação de projetos inovadores e sustentáveis e, principalmente, com a participação efetiva das pessoas e instituições comprometidas com o futuro do Semiárido Brasileiro. O Fórum busca também a promoção da integral implementação do PLANO DE DESENVOLVIMENTO DO SEMIÁRIDO (PDS), que já conta com uma versão inicial a ser atualizada pelo FDS 2020.

Esta proposta inicial do Plano de Desenvolvimento do Semiárido (PDS) foi fruto de um trabalho realizado sob a coordenação da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) construído pelas mãos representantes de diversas instituições, Ministérios e especialistas, sendo concluída em 2002, mas as suas soluções nunca foram executadas, porém, por iniciativa da Frente Parlamentar Mista em Prol do Semiárido, esta espera de quase duas décadas se encerra neste ano com o apoio do FDS 2020, cuja metodologia de execução garantirá a participação de todos na construção de um Semiárido moderno, produtivo, gerador de emprego e renda, sustentável e fornecedor de alimentos para o mundo.

O Fórum teve seu pré-lançamento realizado em 28 de novembro de 2019, no Salão Nobre da Câmara dos Deputados, em Brasília, por iniciativa da Frente Parlamentar em Prol do Semiárido, presidida pelo Deputado General Girão Monteiro, contando com a presença ilustre de parlamentares, embaixadores e representantes dos principais órgãos públicos federais e instituições envolvidas e comprometidas com o futuro do Semiárido Brasileiro.

O evento, em sua fase presencial, involuntariamente foi adiado em 6 meses em função das medidas de contenção da pandemia do Covid-19, sendo transferido para os dias 05 e 06 de novembro de 2020 e ocorrerá em Mossoró, Capital do Semiárido Brasileiro.

Agora, na fase pré-evento físico, as discussões do Fórum já serão abertas em seu formato digital, sob coordenação técnica do Instituto Sagres e aberto ao público em geral, que poderá aportar ideias, propostas e projetos que contribuam para a atualização e para o aperfeiçoamento do Plano de Desenvolvimento do Semiárido. O formato digital abordará 12 eixos temáticos e prosseguirá até a última semana de outubro de 2020.

Eixos temáticos:

Com a consolidação e atualização do PDS, por meio dos trabalhos realizados no Fórum, espera-se:

Aproximar empresas, investidores, organizações de produtores, embaixadas, entidades internacionais de fomento, startups, universidades, aceleradoras e incubadoras, entre outras entidades, da realidade e dos desafios para o desenvolvimento sustentável do Semiárido Brasileiro, discutindo soluções e apresentando oportunidades para o fomento de investimentos privados em diversos setores da economia.

Apresentar um amplo programa de oportunidades de investimento em obras estruturantes para o desenvolvimento do Semiárido Brasileiro.

Promover o processo de desenvolvimento e oportunizar a consolidação de projetos que prevejam a construção e integração de infraestruturas multisetoriais, baseadas no PDS.

Fomentar a participação da iniciativa privada em investimentos nos setores dinâmicos da economia.

Abrir oportunidades para entidades e organismos, nacionais e internacionais, públicos e privados, interessados em participar de projetos e da elaboração do PDS.

O evento físico será aberto ao público em geral e integrado por empresas de mercado, investidores, organizações de produtores, embaixadas, entidades nacionais e internacionais de fomento, câmaras de comércio, startups, aceleradoras, incubadoras, universidades, executivos do setor público e privado, imprensa, agentes de promoção comercial e de exportação, empresas de energia, agentes públicos federais, estaduais e municipais.

A abertura do FDS 2020 será feita pelo Sr. Presidente da República, seguida de um coquetel para os participantes. Na seqüência, Ministros de Estado, cujas pastas coordenarão as discussões temáticas, farão suas exposições. Há a previsão de 12 (doze) Ministérios coordenadores. No último dia do FDS 2020, especialistas e interessados discutirão, em 12 (doze) salas, os aspectos peculiares de cada eixo temático, seguida de uma apresentação em plenário e do encerramento, cuja previsão é ser feito pelo Sr. Vice-Presidente da República.

Em conjunto com o Fórum, será realizada uma exposição denominada Feira Nacional do Semiárido 2020, um evento aberto à visitação pública, composto pelos patrocinadores e empresas interessadas em desenvolver atividades e parcerias na região do Semiárido, que se constituirá em ótima estratégia para associação da marca ao compromisso do desenvolvimento sustentável do Semiárido Brasileiro, além da oferta de produtos e serviços.

No mês de novembro de 2020 ocorrerá a consolidação final das ideias, propostas e projetos. O Instituto Sagres apresentará, então, as conclusões à Codevasf e à Frente Parlamentar Mista em Prol do Semiárido, conteúdo que dará base para a conversão do Plano em um Projeto de Lei, a ser levado para aprovação no Congresso Nacional, com o apoio de outras Frentes Parlamentares importantes e comprometidas com o Semiárido Brasileiro.