Presidente do Instituto Sagres visita parceiros em Portugal

by

Em novembro passado, durante sua vista à Portugal, Mário Andreuzza visitou a sede da CESO Development Consultants, empresa parceira com mais de trinta anos de experiência, que presta serviços de assistência técnica nos principais domínios de desenvolvimento econômico, social e organizacional, principalmente nos mercados internacionais.

O presidente foi recebido pelo presidente da CESO, Sr Américo Ramos dos Santos que fez uma breve explanação sobre as áreas de atuação da empresa. Também estiveram presentes no encontro o Sr. Rui Miguel dos Santos e a Sra Helena Valente, Vice Presidente Executivo e Administradora Executiva, respectivamente. Na oportunidade foram estabelecidas bases para parcerias em projetos internacionais de interesse comuns.

portugal01

Américo Ramos e Mário Andreuzza na sede da CESO em Portugal

portugal02

Américo Ramos, Rui Miguel Ramos, Mário Andreuzza e Helena Valente

Outro encontro importante foi com o Sr. Tiago Pardal, CEO da OMNÍDEA, Aerospace Technology and Energy Sistems. A empresa trabalha com os complexos problemas , valendo-se da tecnologia aeroespacial e de energia de sistemas em busca de soluções para os desafios envolvidos em qualquer atividade de Pesquisa, Inovação e Desenvolvimento.

O principal interesse do Instituto Sagres é na área de aerogeradores aéreos, onde a OMNÍDEA tem um projeto que oferece uma nova alternativa radical para geradores eólicos capaz de variar a altura em que a energia é produzida. Se ligado à terra através de um cabo de ligação, este aparelho pode converter energia eólica em energia elétrica, de uma maneira completamente nova e inovadora. Este tipo de construção permite uma redução significativa dos preços por unidade de potência instalada.

portugal03

HAWE é uma nova alternativa radical para geradores eólicos atuais

portugal04

Mário Andreuzza e Tiago Pardal, CEO da OMNÍDEIA

Rodolfo de Mello Prado tem seu trabalho reconhecido

by

Em recente entrevista ao Jornal Metro de Brasília, nosso Presidente do Conselho Consultivo, Rodolfo de Mello Prado, explanou como realiza um importante trabalho denominado projeto “Ipês do Cerrado”. O projeto que está sendo desenvolvido em parceria com organizações públicas, privadas e do terceiro setor tem o objetivo de fortalecer a consciência ambiental junto à população do Distrito Federal e oferecer a oportunidade para que as pessoas vivenciem a experiência de plantar e acompanhar o crescimento de uma árvore que, pela beleza de sua floração, tem sido considerada um símbolo nacional.

Veja a matéria abaixo ou clique na imagem para ler a íntegra do Jornal Metro, de 08 de julho de 2014

ONU acaba de lançar o GEO-5, que vai apoiar muitas discussões na RIO+20

by

O Brasil aparece bem na foto, principalmente pela redução dos desmatamentos e por investimentos em energias renováveis, com destaque para a eólica e para o etanol.

Mas o relatório não aponta para as grandes hidrelétricas da Amazônia em construção (Girau, Santo Antonio e Belo Monte) e planejadas, em especial no Rio Tapajós. A construção, os lagos e as linhas de transmissão irão causar enormes e irreversíveis danos ambientais. Falta visão prospectiva ao relatório GEO-5.

Saiba mais em http://www.unep.org/geo